Como obter assistência

Para coleta de dados eletrônicos


Um dos desafios enfrentados pela União Africana na consecução dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Agenda 2030) e metas de longo prazo (Agenda 2063: a África que queremos) é a promoção de uma cultura de políticas públicas baseadas em evidências e processos de tomada de decisão. Neste contexto, é essencial investir e fortalecer as capacidades nacionais. escritórios de estatística e promover o estabelecimento de informações geo-espaciais para a coleta, análise, produção e divulgação de dados para medir e avaliar a eficácia dessas políticas. Nesse sentido, o projeto de Centros de Referência em Censos com Coleta Eletrônica de Dados na África pode desempenhar um papel fundamental, através do treinamento e intercâmbio de experiências e conhecimentos do Brasil, no desenvolvimento de institutos de estatística na África.

O Governo do Brasil, através da Agência Brasileira de Cooperação do Ministério das Relações Exteriores (ABC / MRE) e Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE); Governo de Cabo Verde, através de Instituto Nacional de Estatística de Cabo Verde (INECV); Governo do Senegal, através de Agência Nacional de Estatística e Demografia do Senegal (ANSD); e o Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) prometeu apoiar os países requerentes para assistência na coleta de dados

Aqui estão os passos a seguir para obter apoio do centro